mercredi 10 septembre 2008

Au Revoir Montreal...

Como tudo o que sobe um dia tem que descer, também tudo aquilo que começa há de um dia terminar. Assim, é finda a minha aventura pela terra de l'érable.
*
Um dia eu escrevi, que o vento muda as marés e faz com que nossos destinos mudem de direção. E que eu tinha aprendido que é importante contar com isso quando fizer novos planos. As rotas sempre podem ser alteradas e às vezes só nos damos conta disso quando é tarde para fazer a volta. Escrevi também que tinha descoberto que não importa o quanto mude a maré, os planos, os rumos, as surpresas, meus “quereres” e “gostares”: se eu estiver inteira e em paz comigo, com meus sentimentos e com a minha verdade interna, conseguirei sair ilesa do olho do furacão. Fatalmente com alguns arranhões, uns mais fundos e outros nem tanto, marcas que servirão de lembrança e darão boas histórias pra contar. Logo, é assim que encaro essa volta ao que deixei pra trás; aos planos que abanonei, pra seguir outros barcos. Planos que já não são mais os mesmos, pois nunca um mesmo homem se banhará novamente no mesmo rio. Eu sigo acreditando que tudo o que acontece na minha vida é para o meu bem. E que o plano de Deus, definitivamente, é que sejamos felizes. Sinto-me cada dia mais fortalecida e grata por tudo o que vivi até hoje. E tenho a certeza de que assim será: cada dia mais forte... Seja ao norte ou ao sul, seja de qualquer ponto de partida. O que importa é não deixar-se estacionar, acomodar, é sempre aceitar o desafio de seguir... mesmo que seguir signifique voltar.
*
Peço aos queridos amigos e leitores que sejam sensíveis, que sejam compassivos, que sejam pacientes. Que compreendam que determinados espaços são destinados a determinadas exposições. Mas que não são os melhores espaços para demasiadas explicações. Evitem pois, para o momento, as perguntas difíceis de encontrar repostas coerentes, ou passíveis de fazer sentido. Tenham calma, pois no devido tempo todos os seus questionamentos se esclarecerão. Por ora, por favor, sejam amorosos e acolhedores. Poupem as palavras, pois muitas vezes um abraço ou um olhar ocupam melhor o seu lugar.
Bien sûr, que le Quebéc me manquera beaucoup, mais c'est les choses de la vie. Et on doit prendre, de tout, le mieux... ça c'est la merveille d'être vivante!
*
Por fim, me despeço das terras geladas, pelas quais fui calorosamente recebida, e desta página, que hoje perde seu sentido. Agradeço a todos que acompanharam comigo esta jornada, que como tudo o que acontece na minha vida, é sempre como a ilha desconhecida que parte, enfim ao mar, à procura de si mesma...
*
Aos amigos que, mais uma vez, deixo pra trás, peço que a despedida não seja mais do que um "até breve"... do reencontro, o futuro se encarregará.

4 commentaires:

Anonyme a dit…

Ila querida, que o teu retorno seja repleto de muito amor e compreensão.
E eu estarei sempre aqui para te acolher.
Com amor, Dinda.

ju k a dit…

Eu tenho mixed feelings sobre tudo isso, mas o maior de todos, graças a Deus é o amor incondicional de amiga, que te apoia em todas decisões sempre. O Senhor se encarragará de todas arestas a serem polidas. Bem vinda ao lar, te amamos muito, ju, telli, e cookie (amanhã chega mais uma felina, mas não tem nome ainda).

Grá Esteves a dit…

O Brasil e os amigos te espream de braços abertos! Beijos querida.

Anonyme a dit…

Amiga,
que saudades!!!

Tá ruim ir pro curso e não ter ninguém pra conversar na hora do recreio. Tá ruim chegar 6 feira e não ter ninguém pra ir tomar sol comigo e comprar uma árvore. Tá ruim andar pela Saint Cathrine sozinha. Tá ruim ir no Tim Hortons tomar vanille française sozinha...e foi ruim fazer churrasco no aniversário sem a mais animada de todas!
O bom é saber que vc tá no melhor lugar do mundo que é sempre a casa da gente, no colinho de mamãe linda e nesse país que SEMPRE vai encher nosso coração de amor por ele.
Mas não esquece que vc ainda tem casa aqui e que de vez enquando precisa vir tirar as teias de aranha!! Será sempre muuuuuuuuuuuuito bem vinda!

Bjo com gostinho de èrable

Renatinha Turu

ps: o frio tá começando. Ontem fez 6 graus